Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ideias e Ideais

... Sou das Ilhas de Bruma onde as gaivotas vêm beijar a terra...

Ideias e Ideais

... Sou das Ilhas de Bruma onde as gaivotas vêm beijar a terra...

Bem-vindo(a)

Hoje tudo o que eu queria
era a tua visita.
Não sei porquê mas fazia-me bem
que me deixasses uma mensagem.
Se não gostares do
meu cantinho diz.
Podes ficar descansado(a)
que não vou ralhar contigo.
Para quem não sabe
e me visita pela primeira vez
este é um espaço de
um Açoriano da ilha Terceira.
Aqui vou falando
da minha terra
e das minhas ideias e ideais
.Obrigado por me visitares

Registos do Meu Carnaval

09.02.08, ilhas

Aqui vou registar as cantigas de saudação e despedida que fiz para dois "Bailinhos de Carnaval"

Em breve espero disponibilizar as imagens correpondentes através do YOU TUBE.

Cantigas para o Bailinho do Cantinho, São Mateus da Calheta.

Saudação

 

I

Beleza do oceano

Estamos aqui de novo

Para contigo celebrar

Já passou mais um ano

E a festa deste povo

Acabou de chegar

Contigo quero cantar

Forte com coração

Porque a ti me dou 

Quero-te ver dançar

Sentindo com emoção

O abraço que te dou

 

II

Estou rasgando ondas

Sem espuma e marés

Estou fazendo amizade

Não quero que escondas

O que sentes e até és

Ou amas de verdade

Amas o teu Carnaval

Recordas tua história

Tens porte de princesa

Na alma não tens mal

Terra de tanta glória

De bravura e pureza

 

III

Todos nós bem sabemos

Que é tão bom festejar

Fazer da vida melodia

Dentro da alma temos

Um vulcão a saltitar

Pão-nosso de cada dia

Alimento que acalma

Carnaval que aquece

E que em nós brilha

Tua alegria dá alma

Formando o alicerce

No Coração desta ilha

  

IV

Nestes dias de alegria

Nosso coração desperta

Para a ilha ver florir

Um sorriso de magia

Deixando porta aberta

P`ra quem quiser abrir

Ao abrires podes entrar

Neste grande festival

Que do mundo é maior

Connosco vem ensaiar

Do palco do Carnaval

Vais ser apreciador

 

V

Somos poetas deste mar

 Em acordes da maré-cheia

Nas ondas escrevemos

Bela poesia d`encantar

Da vida fazemos colcheia

Alma que te oferecemos

Somos da ilha amantes

Cantando sem ter rival

A saltar Janelas à vida

Para por breves instantes

Estar com o Carnaval

Numa alegria incontida! 

 

 

Coro:

Eis o Carnaval

Que sem mal

A vida vem enfeitar

Eis o Carnaval

Bem real

Poema de encantar

Eis o Carnaval

Belo festival

Para nos alegrar.

Eis o Carnaval

Que te vem visitar

È a cultura do povo

Que chegou de novo

 

A despedida fica para o próximo post.

Entretanto, e dando continuidade ao Carnaval, Sábado dia 9 de Fevereiro, o Pavilhão de Porto Judeu, abre novamente portas às diversas manifestações carnavalescas, estanto prevista a actuação de oito bailinhos.