Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ideias e Ideais

... Sou das Ilhas de Bruma onde as gaivotas vêm beijar a terra...

Ideias e Ideais

... Sou das Ilhas de Bruma onde as gaivotas vêm beijar a terra...

Bem-vindo(a)

Hoje tudo o que eu queria
era a tua visita.
Não sei porquê mas fazia-me bem
que me deixasses uma mensagem.
Se não gostares do
meu cantinho diz.
Podes ficar descansado(a)
que não vou ralhar contigo.
Para quem não sabe
e me visita pela primeira vez
este é um espaço de
um Açoriano da ilha Terceira.
Aqui vou falando
da minha terra
e das minhas ideias e ideais
.Obrigado por me visitares

Dia de Porto Judeu

07.06.07, ilhas

Pela primeira vez, na sua história, a freguesia de Porto Judeu vai celebrar o seu dia. Aprovado na ultima assembleia de freguesia, este dia, passará a realizar-se anualmente no fim de semana mais próximo do dia 13 de Junho em que se celebra Santo António, nosso padroeiro, calhando este ano,  no dia em que também se celebra Portugal, Camões e as comunidades Portuguesas espalhadas pelo mundo, no próximo dia 10 do corrente.

Do programa das celebrações consta um encontro de futebol entre os veteranos das equipas da freguesia, Barreiro e Leões, Inauguração das instalações provisórias da Junta, inauguração do centro de exposições, actuação de uma tuna   e os cumprimentos da Filarmónica da  Associação Cultural da freguesia.

Fui convidado pelo presidente da autarquia, João Tavares, para fazer um pequeno resumo histórico da freguesia, para apresentar neste dia, e fiquei muito feliz com tal convite e espero não deixar ninguém defraudado com a expectativa.

Até lá!

 

RIAC no Porto Judeu

05.06.07, ilhas

Na passada semana abriu nesta freguesia de Porto Judeu, no edificio da Casa do Povo,  uma loja do RIAC, Rede Integrada de Apoio ao Cidadão. Agora, os habitantes desta freguesia têm ao seu dispor, nesta loja, um vasto leque de serviços que evitará, decerto, muitas deslocações a Angra ou à Praia da Vitória.

Para saber o que é o RIAC, horário,  ou quais os serviços que presta basta servir o link.

Adeus!

01.06.07, ilhas

 

Moldam-se pegadas na caminhada.

 

Efémeras...

 

Tudo se apaga/acaba

 

O vento  de forte rugido

Se transforma em acalmia .

 

Inquietante...

 

As ondas varrendo os rochedos

Aquietam-se manhosas.

 

Acalmante ...

 

E a vida,

Tal como começa,

Acaba!

 Num de  repente

Que nunca poderemos imaginar!

 

Adeus meu irmão!

 

Pág. 2/2