Quinta-feira, 28 de Novembro de 2013

Mãe

Este poema, muitas vezes adiado,

Outras tantas, por mim, pensado

Será um grito de gratidão

Um reflexo que alma espelha

Que mantem acesa centelha

De mais um dia d`inspiração

 

Este poema não o irás ler

Nas tuas mãos nunca o irás ter,

E não é por minha vontade,

Tanto que gostaria de te dizer

Nos teus braços me aquecer

E matar esta grande saudade

 

Ouço músicas daquelas banais

Falam de saudades às minhas iguais

Fazem-me, por completo, entristecer

Ai saudade! Nó na garganta sinto,

Olha, que para ti, eu não minto

Em mim ter-te-ei até morrer

 

A tua campa está tão gelada,

Ainda de símbolos desnudada,

Lúgubre lugar que me vai receber

É como um relicário sagrado

Pelo bom Deus bem guardado

Onde, contigo, vou adormecer

 

Hoje não me apetecia nada

Andar com rima pra ai usada

Do género que faz lacrimejar

Mas quer queira, quer não

Soltei amarras a este coração

Só para aqui te homenagear

 

Foste e sempre serás para mim

Um princípio que não tem fim

És a minha princesa também

És sangue que nas veias corre

És um nome que nunca morre

És, foste, serás sempre MÃE!

 

luis Nunes 27.11.2013

 

Ideias catalogadas: ,
idealizado por ilhas às 01:11
link do post | deixe uma ideia | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Bem-vindo(a)

Hoje tudo o que eu queria
era a tua visita.
Não sei porquê mas fazia-me bem
que me deixasses uma mensagem.
Se não gostares do
meu cantinho diz.
Podes ficar descansado(a)
que não vou ralhar contigo.
Para quem não sabe
e me visita pela primeira vez
este é um espaço de
um Açoriano da ilha Terceira.
Aqui vou falando
da minha terra
e das minhas ideias e ideais
.Obrigado por me visitares

.Blogs Interessantes/simpáticos

.Ideias recentes

. Marcha do Carrocel 2016

. Estamos quase no Carnaval...

. versos ao meu Porto judeu...

. Angra - património mundia...

. Mãe

. dias...

. Outono

. Vem...

. ...

. Sextilhas da ilha

. Finados

. Soca vermelha...

. Ajudinhas

. Noite Profunda

. cá na ilha

. Oásis

. Fantasia de emoções

. Domingo Molhado

. Ajudar O Porto Judeu

. Conta Solidária - Porto J...

.Ideias arquivadas

. Março 2017

. Janeiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Março 2013

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Fevereiro 2005

.Ideias catalogadas

. acores

. açores

. alentejo

. alma alentejana

. azoriana

. blogs

. cantoria

. carnaval

. ebit

. poema

. porto judeu

. quadras

. rosa dias

. samuel

. terceira

. todas as tags

.subscrever feeds

.as minhas fotos