Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ideias e Ideais

... Sou das Ilhas de Bruma onde as gaivotas vêm beijar a terra...

Ideias e Ideais

... Sou das Ilhas de Bruma onde as gaivotas vêm beijar a terra...

Bem-vindo(a)

Hoje tudo o que eu queria
era a tua visita.
Não sei porquê mas fazia-me bem
que me deixasses uma mensagem.
Se não gostares do
meu cantinho diz.
Podes ficar descansado(a)
que não vou ralhar contigo.
Para quem não sabe
e me visita pela primeira vez
este é um espaço de
um Açoriano da ilha Terceira.
Aqui vou falando
da minha terra
e das minhas ideias e ideais
.Obrigado por me visitares

Turlu - No centenário do seu nascimento

05.11.07, ilhas

 

Não vi nos jornais, não ouvi na rádio nem tão pouco a televisão fez qualquer referencia ao assunto. O que é certo é que Maria angelina de Sousa, A Turlu , faria hoje cem anos se ainda estivesse entre nós. Por mim, a efeméride , também passaria despercebida não fosse a Azoriana que hoje destaca no seu blog o assunto. Assim, associo-me a esta data recordando a maior cantadeira  de improviso, de todos os tempos, que fez a delicia da Terceira e da diáspora com a sua maneira muito peculiar de cantar e de responder aos desafios dos seus colegas cantadores.

Nasceu em S. Mateus a 5 de Novembro de 1907 e Faleceu em Toronto Canadá a 5 de Janeiro de 1987.

Desabrochou cedo para o improviso, ainda adolescente, começou a pisar os palcos e terreiros da ilha. Em 1934 ganha a medalha de ouro no Torneio de poesia Popular organizado por Gervásio Lima e que decorreu no teatro Angrense.

O seu maior rival nas cantorias foi o "Charrua" , outra grande figura das cantorias, com quem depois de enviuvar de Francisco Teixeira Borges, veio a Casar.

Turlu cantou na Terceira, Estados Unidos e Canadá,  deixou uma vasta obra que perdura na memória de todos os que a conheceram. Dedicou-se  ao Carnaval Terceirense, sendo autora de vários enredos para as nossas tradicionais danças como por exemplo " O Filho pródigo", Santa Barbara ", "A batalha da Salga", entre muitos outros.

Como já aqui disse, foi pela mão da Azoriana que este Aniversário natalício veio à tona na blogoesfera , já que ao que parece, infelizmente, mais ninguém se lembrou. Por isso, sugiro, que em sua memória, todos nós bloguistas, façamos uma quadra em sua memória. Se quiserem podem-na deixar nos meus comentários que depois farei um post com o que chegar.

Então vamos lá a por a imaginação a trabalhar!

 

Aqui fica o meu contributo

Para a Trulu homenagear

A Terceira ficou de luto

Por ter parado o seu rimar

 

Mas na nossa memória

Teu nome sempre estará

Guardado na linda história

Das cantorias sempre ficará

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.