Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ideias e Ideais

... Sou das Ilhas de Bruma onde as gaivotas vêm beijar a terra...

Ideias e Ideais

... Sou das Ilhas de Bruma onde as gaivotas vêm beijar a terra...

Bem-vindo(a)

Hoje tudo o que eu queria
era a tua visita.
Não sei porquê mas fazia-me bem
que me deixasses uma mensagem.
Se não gostares do
meu cantinho diz.
Podes ficar descansado(a)
que não vou ralhar contigo.
Para quem não sabe
e me visita pela primeira vez
este é um espaço de
um Açoriano da ilha Terceira.
Aqui vou falando
da minha terra
e das minhas ideias e ideais
.Obrigado por me visitares

Um agradecimento da Rosa Dias

03.11.07, ilhas

Voluntárias           em        “Porto Judeu”

“Ilha Terceira” 

 

Voluntárias, o nome o diz

                   Dando um pouco do que é seu

                   Mulheres de rosto feliz

                   Filhas dum “Porto Judeu”

 

                   Maria do Carmo, Ludovina

                   Fátima Pires, Conceição

                   Rosa Aguiar, Filomena

                   Voluntárias por paixão

 

                   Elsa Leonardo, Nivérinha

                   Fátima Silveira, prontidão

                   Lurdes Evangelho, Carlinha

                   Alvarina , sempre à mão

 

                   Entre Rosas, de brandura

                   E as Marias da alegria

                   Estavam Fátimas , de ternura

                   Filomena, simpatia

 

                   Mulheres de braços abertos

Prontinhas a dar a mão

E na emoção dos afectos

Dão a voz em oração

Os nomes não sei dizer

Das cozinheiras de mão cheia

Que repartiam com prazer

“Pequeno almoço” Almoço” e “Ceia”

 

“Ilha” de tantas Marias

Cada qual mais linda flor

Despertadas com as maresias

Perfumadas só de amor

 

Continuem vão em frente

Dando a palavra, atenção

Ajudando toda a gente

Sem olhar a condição

 

Mais grata a”Deus” vou ficar

Por descobrir nessa “Ilha”

Uma outra forma de dar

Outro jeito de partilha.

 

              Rosa Guerreiro Dias

                                   2-11-2007

Tudo o que tenho recebido por email que diga respeito ao grupo Alma Alentejana, tenho vindo a publicar neste canto e dado o respectivo destaque, o que na minha opinião é o mínimo que posso fazer por estas pessoas que durante oito dias nos maravilharam com a sua constante alegria. Mostrando que Açores e Alentejo não têm fim!