Domingo, 25 de Maio de 2008

um poema da Azoriana

Directamente da Caixa de comentários este poema da Azoriana:

 

Isto agora vai rarear,
O teu blog vai repousar
Perante a nova chegada.
São fraldas e biberões,
Alegrias e tais emoções
Que não dá para mais nada.

Ó quem me dera ir vê-lo
Pegar nele, conhecê-lo,
Nesse vosso paraíso;
É que quando um filho chega
Tudo em nós se aconchega
E multiplica o sorriso.

A fase é deliciosa,
E de amor radiosa,
Pela flor do nascimento;
Já passei por tudo isso,
Sei que a par do serviço
Há tanto ou mais luzimento.

Sabes bem da minha vida
Que me faz algo impedida
De estar em todo o lado;
Quando for p'ro mês que vem
Vou presenteá-lo também
Porque o tempo é folgado.

Mas se vieres à cidade
De Angra, digo a verdade,
Agora já melhorei...
Se passares no meu canto,
Em festa do Espírito Santo,
Um beijinho lhe darei.

Agora vou terminar
Não o quero acordar
Com o bater do teclado
Ele é um lindo menino
Nasceu num dia divino
Com Maria do seu lado!

Beijinhos

Ideias catalogadas: ,
idealizado por ilhas às 23:46
link do post | deixe uma ideia | favorito
|
Terça-feira, 29 de Janeiro de 2008

Cantoria XVII

Assim cantou Azoriana:

Tua quadra vou emoldurar
Repetindo-a nesta hora
Que enquanto aqui cantar
Tenha no mote a Senhora:

"Foi Rosa Celestial e terna

Da Serreta padroeira
Amada terra materna
Que te fez dessa maneira
"

 Obrigada pela cantiga
Que me fez emocionar
Tu és pessoa amiga
Que sempre vou elogiar.

Que sejam nossos leitores
A travar a cantoria
Somos só dois cantadores
A rimar de noite e dia.

Agora fizeste-me rir
Com o cenário gestual
Ainda vamos conseguir
Gesticular no telejornal.

Tu p'ra cá e eu p'ra lá
Com os dedinhos no ar
O ensaio começa já
P'ro ano vais actuar.

Uma dança divertida
Que se quer pelo Entrudo
O tema que ora convida:
"No comments Sr. Bicudo".

É triste não ter dinheiro
Mais triste não ter programa:
"Bom Dia" era pioneiro
Logo ao levantar da cama.

As coisas são como são
Não adianta a insistência
Porque a nossa televisão
Pode estar em decadência.

Foi-se a "Tia do Nordeste"
E as ilhas uma a uma
O "Troféu" 'inda que reste
Já não tem graça nenhuma.

Fica fora do horário
Sabem bem como manter
O pessoal neste diário
Que não o querem perder.

Dá tarde e às más horas
E nós queremos repousar
Mudem-no sem demoras
P'ra conseguirmos acordar.

Virei-me para o desporto
Que até acho interessante
Deixa-nos um desconforto
Vê-lo na hora distante.

Para não perder o pio
E dar corda às cantigas
Décimo sétimo desafio
Trará palavras amigas

Quinta-feira de Compadres
Mais uma comemoração
Na outra são as Comadres
Que enfeitam a tradição.

Mando um abraço aos meus
Nas vésperas do Carnaval;
Na volta os versos teus
Trarão outro no final.

Azoriana
24/01/2008

 

 Assim canto eu:

Em  véspera de Carnaval

Ainda apetece cantar

È a época mais natural

Para andar por ai a rimar

 

Este ano ao palco não vou

Vou ficar apreciar

A minha poesia até dou

Alguém a irá cantar

 

Ali para o cantinho  

Já estão a ensaiar

O que com carinho

Lhes pude com gosto dar

 

Também o Porto Judeu

Minha rima vai cantar

É mais um orgulho meu

Que terei para escutar

 

Também na imigração

Minha alma será cantada

Decerto com o coração

Minha poesia será escutada

 

Não tens que agradecer

Palavras que te dirigi

Só as digo por entender

Ser verdade o que senti.

 

És uma sã mensageira

Da Serreta tanto amada

E toda a ilha Terceira

Por ti está divulgada

 

Por aqui se  celebrou  

Amizade sã e verdadeira

Bastante se festejou

Em cada Quinta-feira

 

As comadres se divertem

Nesta semana invernal

Quintas-feiras se despedem

Até próximo Carnaval  

Ideias catalogadas: ,
idealizado por ilhas às 00:12
link do post | deixe uma ideia | ver ideias (1) | favorito
|
Terça-feira, 22 de Janeiro de 2008

Cantoria XV

A azoriana a dar-lhe!

A cantoria continua
Agora mais satisfeita
A mudança se efectua
E a ligação 'tá perfeita.

Nem amigos nem amigas
Não saí p'ra festejar
Seguem agora cantigas
Mini-férias vão chegar.

Partilham-se as guloseimas
Tradições da ilha Terceira
E surgem algumas teimas
Quando se bebe à maneira.

Na abertura de Fevereiro
Vai brindar o Carnaval
Já tenho salão certeiro
Com um palco especial.

Do "ratão" tenho saudades
Está em vias de extinção
Será que não são capazes
Do fazer voltar à acção?

Foguetes a dar sinal
À volta de toda a ilha
Dão vida ao Carnaval
Que é a nossa maravilha.

E assim continuamos
A cantoria virtual
É na Serreta que vamos
Encontrar bom Carnaval!

 

 Eu não desarmo:

 

O Carnaval vai chegar

Espalhando sua poesia

E o povo vai estar

Sorrindo de alegria

 

A alegria de voltar

A encher um salão

E o povo vai levar

Assunto no coração

 

Foguete vai estalar

Toda a noite, todo dia

A dança está a chegar

È isso que anuncia

 

Temas a desenrolar-se

Novidade sem final

E o povo a consolar-se

Com o nosso Carnaval

 

As filhoses e coscorões

Enchendo tanta mesa

São doces tradições

Desta terra portuguesa

 

As danças sem “ratão”

Já é coisa normal

È verdade está em extinção

Mas acho que não faz mal

 

Cada um a defender

O canto que é seu

Para bom Carnaval ver

Tens de vir ao Porto Judeu

 

Um salão colossal

Sempre a transbordar

Lugar sagrado ideal

P`ra Rei Momo festejar

 

Acredito que tenha sabor

O lugar onde nasces-te

Pois para ti tem valor

Ambiente que vives-te.

 

Ideias catalogadas: ,
idealizado por ilhas às 23:33
link do post | deixe uma ideia | ver ideias (2) | favorito
|
Sexta-feira, 4 de Janeiro de 2008

Desafio XII

O desafio com a Azoriana é agora retomado:

 

Assim ela cantou:

 

O desafio dá apetite
P'ra seguir sempre avante
Oxalá que sempre se fite
Rimas de sol radiante.

Entendo o teu atraso
Sem tempo de responder
O Natal com sol dá aso
A teres mais que fazer.

Nunca vi uma coisa assim
Nosso frio é tão terno
Parece que teve fim
Não há sinais de inverno.

O sol beija cada janela
Contagia felicidade
Haja comida na panela
Com um toque de amizade.

Cai em mim a nostalgia
Quando penso no Natal
Que todos no grande dia
Vivam o momento ideal.

E para vocês dois
Um abraço fraternal
Não sei o que virá depois
Cantemos até ao Natal.

 

Aqui vai a resposta:

 

O Natal já passámos

E embora a abrandar

No ano novo entramos

Ainda aqui a cantar

 

È bom entenderes

Demora em responder

São muitos os afazeres

Tempo falta p`ra escrever

 

Não sou de desistir

Venho aqui retornar

Para contigo insistir

Neste nosso cantar

 

Sei que andas triste

Contas fazem confusão

P`ra elas não há despiste

Mas pode haver solução

 

Não desistas de lutar

Por tudo o que vais querer

No que puder vou-te ajudar

Para esse problema resolver 

 

Não deixes de escrever

Blogesfera pobre ficaria

O Sapo essa vai resolver

Essa conta de ninharia

  

Ideias catalogadas: , ,
idealizado por ilhas às 23:32
link do post | deixe uma ideia | ver ideias (1) | favorito
|
Segunda-feira, 17 de Dezembro de 2007

Desafio XI

Canta a Azoriana:

O desafio dá apetite
P'ra seguir sempre avante
Oxalá que sempre se fite
Rimas de sol radiante.

Entendo o teu atraso
Sem tempo de responder
O Natal com sol dá aso
A teres mais que fazer.

Nunca vi uma coisa assim
Nosso frio é tão terno
Parece que teve fim
Não há sinais de inverno.

O sol beija cada janela
Contagia felicidade
Haja comida na panela
Com um toque de amizade.

Cai em mim a nostalgia
Quando penso no Natal
Que todos no grande dia
Vivam o momento ideal.

E para vocês dois
Um abraço fraternal
Não sei o que virá depois
Cantemos até ao Natal

Lá vou a cantar de novo:

Aqui muito enroupado

Agora te vou responder

Teu desafio foi culpado

Do inverno vir a correr

 

O frio é de "rachar"

Estamos a tremer

Só o "Menino a mijar"  

Nos poderá aquecer

 

Sempre ouvi dizer

Que dos Santos ao Natal,

Verão já não deve fazer,

Pois é Inverno natural.

 

Eu andava radiante

Frio ainda não tinha

Mas veio num instante

Culpa da minha "maninha"

 

Agora é só agasalhar,

Ventania muito granizo,

Nas telhas a tilintar

Tanto não era preciso...

 

Ideias catalogadas: , ,
idealizado por ilhas às 22:14
link do post | deixe uma ideia | ver ideias (6) | favorito
|
Sexta-feira, 7 de Dezembro de 2007

Desafio - VI Parte

A azoriana continua:

Ontem fiz uma remessa
De cantigas para te dar
Esqueci e com tal pressa
Não dei p'lo SAPO travar.

Como as fiz em directo
Perdi tudo quanto tinha
Como é fraco o intelecto
Fiquei com nenhuma minha.

Agora vou-te cantar
Continuo mui animada
Porque não vou eu parar
Esta nossa caminhada.

Tens na mira o Ilhéu
Das Cabras como é sabido
E entre o mar e o céu
Nada está adormecido.

Transbordas felicidade
E sei bem o que isso é
Virá a realidade
Redobrarás tua fé.

À Serreta podes ir
Frente à Mãe, querida Mãe,
Na oração vais pedir
Que vos corra tudo bem.

A chegada do Natal
É boa ocasião
A época especial
P'ra bonita oração.

Abraços
7/12/2007
Azoriana

E Eu não desarmo:

Aqui faço a ligação
Entre a Terra e o Ilhéu
Cantando a sua união
Com o azul do Céu

E tu fazes mais rimas
À Senhora dos Milagres
A ela toda só mimas
Em amor não lhe cabes

Tens sido boa difusora
De seu culto ancestral
Uma crente promotora
daquele altar maternal

A ela tenho promessa
Que pertendo cumprir
Sei que o que lhe peça
Ela me dá a sorrir

Na sua linda procissão
vou em cortejo integrar
Gratidão do meu coração
Pelo filho que me vai dar

Sabes que faz hoje anos
Que Angra beleza regional
De entre os lugares Açorianos
Foi elevada a Patrimonio Mundial ?

Não sei se hoje terei
Muito tempo pra desafio
Mas se não for hoje ,o farei
Noutro dia com mais brio.

Abraços

Ideias catalogadas: , ,
idealizado por ilhas às 13:27
link do post | deixe uma ideia | favorito
|

Desafio V Parte

Nova Resposta da Azoriana:

Agradeço ao Deus Menino
Por nos dar esta alegria
E com seu poder divino
Presenteia a cantoria.

Obrigada pelo convite
Retribuo também a ti
Que haja muito apetite
P'rós doces perto daqui.

Basta seguir a direito
E virar contra a maré
Fica tudo satisfeito
E prova-se 'água-pé'.

Depois seguimos viagem
Para as ruas da cidade
Fazemos a reportagem
Do brilho da edilidade.

Mas importa é que brilhe
Maior luz nos corações
E que cada um partilhe
Paz e amor pelas nações.

Mando um abraço por ti
Para todo o Porto Judeu
Tua esposa 'inda não vi
Dá-lhe um beijinho meu.

Sei que a felicidade
Abunda para esses lados
O teu rimar sempre há-de
Trazer-me muitos agrados.

 

E assim lhe respondi:

 

Doces a abundar
È que mais há por cá
Mas não posso abusar
Pela doença que já há.

 

A diabetes já entrou
E começa a chatear
Por aquilo que se abusou
estou agora a pagar

 

Quanto à felicidade
que agora estou  a viver
É um facto, realidade
Que vai breve acontecer

 

Conto os dias sem parar
Esperando tempo correr
não vejo hora de chegar
O dia de ele(a) nascer

 

Felicidade a transbordar
O que sinto deves saber
Passo  dias inteiros a sonhar
Com a hora de o ver

 

 Com chegada do Natal
A vida toma mais cor
Sinto-me mais paternal
E pronto para dar amor .

 

abraços

 

Para A Chica Ilhéu

 

A Chica também passou

Pela nossa Cantoria

E uma quadra deixou

Para Nossa alegria

 

Obrigado amiga Chica

Volta sempre a rimar

Neste cantinho fica

Para ti sempre lugar

 

Ideias catalogadas: , , , ,
idealizado por ilhas às 00:46
link do post | deixe uma ideia | favorito
|
Quarta-feira, 5 de Dezembro de 2007

Desafio - Ja na III Parte

Azoriana respondeu:

Nesta hora apressada
Te respondo irmão meu
Que fico bem humorada
Ao passar no Porto Judeu.

Junto a
pequena à grande
Freguesia do teu amor
Onde quer que agente ande
Há sempre um cantador.

Minha alma não esquece
A Divina Protecção
Em cada canto aparece
Toda a nossa devoção.

Quero bem ao Porto Judeu
Em jovem lá pernoitei
O Shallom que Deus me deu
Nunca mais esquecerei.

O mundo dá muitas voltas
Como a vida das pessoas
Para nestas quadras soltas
Virem também coisas boas.

Outras podem ser mais tristes
Não pode ser tudo bom
Mas saber que tu existes
Faz-me melhorar o dom.

Nos versos és um querido
Tratas bem o pessoal
Também sei que tens ouvido
P'ra cantar p'lo Carnaval.

O prazer destas cantigas
Vale mais que todo o ouro
Somos duas almas amigas
Nas rimas nosso tesouro.

Eis a minha resposta:

Porto Judeu a desafiar

Serreta atenta a responder

Freguesias do mesmo lugar

qual delas irá vencer ?

Isto Vai dar cantoria

da grossa e certeira

De certeza algum dia

vamos aos palcos da Terceira

Temos tantas tradições

Algumas até em comum

Mas não tenhas  ilusões

Porto judeu só há um!

Na serreta o nevoeiro

Abre-se em dia de procissão

Para o povo olhar  ordeiro

santa da sua devoção

Nós neste Porto Judeu

Muito podemos cantar

Temos a beleza do Ilhéu

Para poder admirar

Na Serreta mata bela

Onde se vai descansar

Parece bela tela

Que Deus resolveu pintar

O  Natal se aproxima

E muito há para falar

Que a nossa proxima rima

seja para da festa falar

 

Abraços

Ideias catalogadas: , , ,
idealizado por ilhas às 22:45
link do post | deixe uma ideia | ver ideias (4) | favorito
|

O Desafio Continua...

A resposta da Azoriana:

 

Pois que venham cantadores
Que a mim não metem medo
Sou da ilha dos Açores
Que disto não faz segredo.

A cantiga me provoca
Logo boa reacção
À noitinha desemboca
Faz feliz meu coração.

Já somos três a cantar
Prolongando a maresia
Isto vai dar que falar
Lá na minha freguesia.

Tive lá neste Domingo
Fui brindada num CD
E também joguei no Bingo
Fui feliz e sei porquê.

Quando lá quiseres ir
Ficarás tão satisfeito;
À Serreta vais sorrir
Por tudo o que vês lá feito.

Pois é na Sociedade,
Paragem obrigatória
Servem-te com amizade
E agora está em glória.

O Pároco da freguesia
Fez um discurso bonito
Está atento ao dia-a-dia
Bendigo o que nos tem dito.

É pessoa de valor
Engrandece a população
À Senhora tem Amor
É calmo no seu sermão.

Agora eu vou parar
Para não ficares mal
É que nisto de rimar
Parar é um mau sinal.

 

A minha Resposta:

A cantiga em turbilhão
Não faz mal nenhum
Incendeia o coração
Dá Paz a qualquer um

 

A rima é o teu forte
Serreta sempre em mira
Nela encontras Norte
E teu coração suspira

 

Pelo seu cantinho
todos nós suspiramos
Por ele temos carinho
bastante o amamos

 

Também pelo meu
vou cantando a rimar
Meu lindo Porto Judeu
vou-te sempre amar

 

Temos Santo antónio
Como santo protector
Pra nos livrar do demónio
Temos São salvador

 

Minha freguesia inteira
tem muito pra descrever
das maiores da Terceira
Isso, não deves esquecer.

 

Não tenho medo de rimar

disso tenho prova dada

E assim vou continuar

porque rima é abençoada!

Ideias catalogadas: , , , ,
idealizado por ilhas às 13:29
link do post | deixe uma ideia | favorito
|
Terça-feira, 4 de Dezembro de 2007

Cantigas ao Desafio

A Azoriana desafiou

Cagarra pos-se a rimar  

A desgarrada começou

Não sei quando vai parar

 

Aqui fica o registo

Do que por lá deixei

Algumas... só visto!...

Foi o que me lembrei.

 

Desafio entre a Azoriana e o Ilhas( Ideias & Ideais)

Depois do desafio da cagarra eis a minha resposta:
1
Fiquei tão admirado
com tão bom rimar
por isso estou tão calado
p'ra ninguém chatear
2
este desafio d'Azoriana
está a dar que falar
Já dura à mais de semana
e acho que vai continuar
3
Aqui onde se agarra
o mar com o rochedo
mora uma cagarra
poetisa sem medo
4
a desgarrada animada
que faz alguém feliz
vai aqui ser continuada
como azoriana quis.


A azoriana respondeu:

5
O "ilhas" é meu amigo
E revela estar atento
Ao que se passa comigo
Quando tocada p'lo vento.
6
O vento da inspiração
Toca as mentes da Terceira
Parece até vocação
Cantar-se desta maneira.
7
Aos pares no desafio
Vão homens na cantoria
Poucas mulheres se viu
Entrar nesta romaria.
8
Turlu, foi mulher famosa
De quem sempre ouvi falar
Ela, sim, foi corajosa
Nesta moda popular.

Esta a minha resposta :

9
Turlu já centenária
anima a blogesfera
nesta cantoria vária
que a alma`inda espera.
10
Fomos a homenagear
como ninguém fez
nestes cantos a rimar
como ela... Talvez?!
11
Este ano será lembrada
pelo nosso carnaval
vai ser bem cantada
em homenagem sem igual.
12
A ideia quem a lançou
foi Azoriana serretense
que a data do nascer lembrou
da Turlu poetisa terceirense.


Nova resposta da Azoriana:

13
Amigo tu tens razão
Nos versos qu'agora deste
Vamos ter ocasião
De ouvir o que disseste.
14
Não sei se somos iguais
À mulher dos desafios
Acontece que jamais
Senti desses arrepios.
15
Minha voz não foi treinada
Para cantar ao luar
A escrever não custa nada
E agora estou a treinar.
16
Se conheceres alguém
Que tenha uma garagem
Leva-se violas também
Para ver se há coragem.
17
É assim que fazem cá
À conta do Carnaval
Mas não sei como será
Cantar rima ao natural.

Nova resposta lhe dei

18

A rima natural
Faz-se com magia
No palco do carnaval
no terreiro na cantoria

19 

Saem assim aos molhos
cantigas para florir
vão encher ouvidos e olhos
de quem as ouvir

20

Nas cantiga certeiras
Piada podes ouvir
Nas "velhas" matreiras
muito poderás rir

21

És dotada a rimar,
que duvida não reste,
Um dia vais  brilhar
E não será só na Internete.

22

Já te estou a imaginar
Num terreiro despachada
Ao João Angelo a atacar
Sem ficar atrapalhada.
..

 

Se mais alguem estiver inspirado pode neste turbilhão de rima entrar. É bem vindo!  

 

Ideias catalogadas: , , ,
idealizado por ilhas às 22:51
link do post | deixe uma ideia | ver ideias (1) | favorito
|
Domingo, 18 de Novembro de 2007

Simpatia 2007

A azoriana, com a sua habitual simpatia, distinguiu-me com este prémio "Simpatia 2007" a par com outros seis bloguistas. Agradeço à Rosa a lembrança e agora tenho de repassar este prémio a mais pessoas para que possam dar continuidade a esta iniciativa.

 

Assim os meus nomeados são:

 

Golfinho Alegre

Ecos do Tempo

Blog da Guida

Ilha Brava e Doce

Fernão Capelo gaivota

Jardim da Medusa

 

E já agora as palavras da Angelis que nomeou a Azoriana que por sua vez as adoptou, e que agora também faço minhas:

 

Afinal ser simpático, sorrir, ser amável e respeitar o próximo não custa nada.

E, já agora, ousem SER FELIZES

Ideias catalogadas: , , ,
idealizado por ilhas às 21:22
link do post | deixe uma ideia | ver ideias (6) | favorito
|
Quarta-feira, 29 de Agosto de 2007

Obrigado Azoriana

A Rosa Maria Silva "AZORIANA" fez-me uma oferta que só mesmo um verdadeiro amigo faz. Trata-se de um livro, compilação dos seus artigos escritos sobre a Serreta, em versão caseira. Neste livro, a Rosa dedica-me algumas páginas e o texto que abaixo se publica. Estou deveras sensibilizado com o seu gesto e só tenho a agradecer muito. Este livrinho de 152 páginas é digno de um melhor tratamento, nomedamente a sua publicação por alguém ligado à freguesia quiçá a Junta ou até através do Santuário de Nossa Senhora dos Milagres de quem é uma grande devota e bastante tem feito através do seu blog pela divulgação daquele culto Mariano.

"Quando eu soube da elevação a Santuário Diocesano da Igreja da Serreta de Nossa Senhora dos Milagres, tive a grata surpresa de ser o amigo Luís Nunes a dar-me boleia até esta freguesia para que eu pudesse presenciar “in loco” a grande novidade que me tinha sido dada pela minha afilhada Cláudia Dinis.

Tomei conhecimento com o Luís Nunes através dos comentários dos nossos blogues e a partir de então, a amizade é pura e cristalina. Ele também ficou muito amigo da Nossa Senhora dos Milagres e da freguesia da Serreta. Já o era mas agora noto a sua presença de uma maneira mais participativa e amistosa.

O Luís é um artista e tem colaborado com algumas das suas inspirações para abrilhantar aquela que é a Nossa Mãe celeste. Basta ler-se a página que publiquei sobre o assunto, com fotografias e uma oferta de um cartaz alusivo à efeméride.

Foi também o Luís Nunes que foi o organizador do I e II Encontro Bloguista da Ilha Terceira junto comigo. Sem a força, o trabalho e o entusiasmo dele e da esposa, Elisabete Nunes, não teria conseguido levar a ideia adiante. Graças a eles tomou forma e até foram os autores das lembranças para os convidados deste encontro que foi pioneiro na ilha Terceira e certamente terá continuação.

O “ilhas”, “nickname” de Luís Nunes, é o autor da Dança de Espada - “Vidas Traídas” - que embelezou os palcos da ilha Terceira, no ano de 2007, e onde mostrou o seu talento para esta arte tão querida. Dediquei-lhe, nessa ocasião, umas quadras, escritas enquanto assistia a uma noite de ensaio da mesma dança.

Por tudo,

Bem-haja!"

Ideias catalogadas:
idealizado por ilhas às 13:37
link do post | deixe uma ideia | favorito
|
Segunda-feira, 9 de Abril de 2007

Parabéns Azoriana

O blog da minha amiga Rosa Maria Silva chegou aos três anos, de boa saúde. Cheguei a temer pelo seu desaparecimento, aquando de uma recente polémica de que decerto se lembrarão,  bastante trabalho de bastidores fiz, para que tal não acontecesse e eis o  "Azoriana " em plena vida e a celebrar o terceiro aniversário. Daqui te brindo, com muita alegria amiga Rosa, parabenizando-te  por teres conseguido manter-te com dignidade e cada vez maior vitalidade na nossa blogosfera .

Os versos que abaixo se publicam recebi-os , em comentário, e são da autoria desta grande senhora dos blogues açorianos e também uma Ebitista de coração:  

 

Que beleza!
Cantaste a nossa Terceira,
de forma tão lisonjeira
que fico emocionada
por essa veia inspirada.

E risco aqui neste tom
Que no vídeo, imagem e som,
Merecem o nosso louvor
E também o "Só Forró"
E seu improvisador.

Resta-me um abraço mandar
Nas rimas que deixo voar
No teu blogue a elogiar.

Ideias catalogadas: ,
idealizado por ilhas às 23:42
link do post | deixe uma ideia | ver ideias (2) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Bem-vindo(a)

Hoje tudo o que eu queria
era a tua visita.
Não sei porquê mas fazia-me bem
que me deixasses uma mensagem.
Se não gostares do
meu cantinho diz.
Podes ficar descansado(a)
que não vou ralhar contigo.
Para quem não sabe
e me visita pela primeira vez
este é um espaço de
um Açoriano da ilha Terceira.
Aqui vou falando
da minha terra
e das minhas ideias e ideais
.Obrigado por me visitares

.Selo do blog

IDEIAS E IDEAIS

Use Ctrl+C para copiar
e Ctrl+V para colar
o selo no teu blog

.Especiais

Bandeira da minha Região
Açores

Pesquisa Google


Previsão Metereológica
para o Porto Judeu


Contacto
Contacto via e-mail

Jornais Açorianos
Diário Insular
A União
Jornal Diário
Expresso das Nove
Açoriano Oriental

FRASE do DIA

.Contadores

Free Web Counter
Free Hit Counter

Ilha Terceira -Açores
online
Locations of visitors to this page
contador gratis
contador gratis

.Blogs Interessantes/simpáticos

.Blogs Amigos

a href=BlogBoard dos Açores
Relojoaria
Desabafos da Alma
Carnaval Terceirense
BISCOITOS TERCEIRA
An'arka
DOCE E AMARGO
Alamo Esguio
OFELIAZINHA

Azoriana Blog
Azoriana Blog
PERCURSOS E. INOVADORES

MAGIA GIFS
DESAMBIENTADO
Blogueiros On Line Blog
Fala Quem Sabe
Rapariga das Laranjas
Rapariga das Laranjas

Mudar o template
Blog da Guida

portodaspipas
portodaspipas
PS 2005 P. J.

VISITE O MAR ADENTRO

Grilinha
Jardim da Medusa
Fernão Capelo Gaivota
Fernão Capelo Gaivota


O Blog da Guida

Use Ctrl+C para copiar
e Ctrl+V para colar
o selo no teu blog

.Eventos e Campanhas

Priôlo
Salvemos o Priolo


.Destaques e Prémios

Sou ou Fui Destaque!
E também Prémios Recebidos
Prémio
Prémio atribuido pela Azoriana

 Links & Sites


Fui Destaque no Azoriana Blog
Destaque na
Leitura do dia


Sêlo de Participação
Awards que Ganhei

O Meu Award
o prémio
Leve o seu prémio

Use Ctrl+C p/copiar
e Ctrl+V p/colar o
código no seu blog

.Ideias recentes

. um poema da Azoriana

. Cantoria XVII

. Cantoria XV

. Desafio XII

. Desafio XI

. Desafio - VI Parte

. Desafio V Parte

. Desafio - Ja na III Parte

. O Desafio Continua...

. Cantigas ao Desafio

. Simpatia 2007

. Obrigado Azoriana

. Parabéns Azoriana

.Ideias arquivadas

. Março 2017

. Janeiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Março 2013

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Fevereiro 2005

.Ideias catalogadas

. acores

. açores

. alentejo

. alma alentejana

. azoriana

. blogs

. cantoria

. carnaval

. ebit

. poema

. porto judeu

. quadras

. rosa dias

. samuel

. terceira

. todas as tags

.subscrever feeds

.as minhas fotos

.O meu sapinho


Selo Pela Amazónia

Usa Ctrl+C para copiar
e Ctrl+V para colar
o selo no teu blog
clique para ver imagem

Use Ctrl+C para copiar
e Ctrl+V para colar
o selo no teu blog